liquid-surf-previsao-ondas-sao-paulo (29)-1600x1067

LD 372 * VIRANDO A MESA * Swells n.12 & 13 * HIGH SURF ADVISORY

Salve!

As bombas voltaram, e temos mais delas para o feriadão. O Ponto de atenção é que já estamos em Setembro, e esse é um dos meses mais instáveis e imprevisíveis do ano.

Quem nos acompanha há mais tempo, sabe que sempre compartilhamos essa impressão à respeito do alto grau de dificuldade nas previsões deste mês em especial – do tempo, dos ventos e da qualidade das ondas – com base na experiência obtida ao longo dos últimos 8 anos de LD.

Com a aproximação da primavera, que é uma estação de transição, a dinâmica das tempestades já não segue um padrão tão definido quanto no resto dos meses, e muitas vezes o surf se torna uma caixinha de surpresas. Prever o tamanho das ondas em si não é o maior dos problemas, mas sim o comportamento rebelde dos ventos, e consequentemente elaborar um plano de busca. Ou seja, nossa bússola às vezes fica sem norte.

Sem a blindagem de alta pressão, nossa região fica muito mais susceptível a pipocar centros de baixa bem próximos ao nosso litoral, alterando subitamente o padrão do clima e dos ventos. É exatamente o que temos hoje, sexta-feira.

A PRÓXIMA BOMBA

Um novo e “periodudo” swell se aproxima para amanhã, e novamente já teremos um padrão totalmente diferente e em constante metamorfose de ventos. O importante é que o feriadão será recheado de ondas, com destaque para o HIGH SURF de sábado.

E dá até pra celebrar a volta da chuva, que deve continuar presente no médio e longo prazo. Bom para quem aproveitou a incrível sequência de FDS de sol, pois agora é hora de encher os reservatórios. Ou ao menos começar a enchê-los.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa!

 

RESUMO LD

 

SÁBADO –5 DE SETEMBRO

 

TEMPO: Frente fria na área! Tempo encoberto, frio e com risco de chuva a qualquer momento.

VENTOS: Momento mais calmo mais cedo e depois sudeste virando para leste, com moderada a forte intensidade.

ONDAS: 1,5m de sul a sul/sudeste, com ondas batendo ou passando os 2m nos picos mais expostos.

DIREÇÃO E PERÍODO: SUL, 14 a 17s, moderado a forte + LESTE/SUDESTE, 7s, fraco a moderado.

TENDÊNCIA: Ápice do poderoso swell n.12! Essa grande ondulação de sul destaca-se por seu período anormal para nossos padrões (chega a marcar 16/17s no pico), nascida numa tempestade muito intensa no estremo sul do Atlântico.

A pegadinha desse episódio é que em paralelo à chegada destas longínquas ondas teremos o desenvolvimento de um centro de baixa muito próximo a costa paulista – o vento sudoeste rasgando de hoje é por causa dele.

Como ressaltado, esse tipo de sistema complica bastante a vida das previsões (de quem as acompanham de verdade) por ser muito, mas muito instável mesmo, e dele interferir diretamente no clima, na intensidade e direção dos ventos e, naturalmente, na qualidade das ondas.

O sabadão promete séries largas, espaçadas e pesadas na casa de 1,5m, podendo vir bem maiores nos verdadeiros preferenciais, e a expectativa é de que o “grand ápice” venha ao longo do dia, provavelmente não logo cedo.

Na verdade, a maioria dos picos deve fechar bastante, e opções mais protegidas e/ou com janela de abertura mais reduzida podem resolver isso, refratando (curvando) ou difratando (quebrando) essas longas linhas líquidas.

Os ventos prometem seguir girando, e após uma 6ª de sudoeste intenso, devem amanhecer de sudeste e virar para leste ao longo do dia, abrindo mais opções de terral.

As bombas estarão lá, mas possivelmente a qualidade ainda comece o dia meio ameaçada e melhore com o evoluir dos ventos. Outro fator que não colabora muito é baixa variação de marés (maré mais plana), que associada a um swell desse porte, deve manter a maré cheia constantemente e evitar que picos que precisam de “menos água”, como muitas gordas famosas, funcionem no seu esplendor.

Resumindo, graficamente temos uma ondulação muito promissora em termos de potencial, mas alguns fatores que ameaçam a brincadeira. Em caso de dúvidas, estaremos lá fora pra conferir ao vivo, afinal, é um evento atípico.

 

divisoria-tridente

DOMINGO – 6 DE SETEMBRO

 

TEMPO: Deve esquentar um pouco mais, mas ainda segue encoberto e com risco de chuva a qualquer momento.

VENTOS: Lestada moderada o dia todo,

ONDAS: Um metrão a 1,5m de sul/sudeste, ainda com possíveis maiores pela manhã, baixando e virando para sudeste ao longo do dia.

DIREÇÃO E PERÍODO: SUL, 13s, moderado e baixando + LESTE, 8s, moderado.

TENDÊNCIA: O swell n.12 começa a declinar gradativamente, mas ainda vem com muita força e pode tranquilamente atingir ou passar de 1,5m nos mais expostos.

Uma das novidades é a definição dos ventos mais para leste a leste/nordeste, facilitando, ao menos teoricamente a busca pelas melhores ondas. Estes prometem moderada intensidade praticamente o dia todo.

As marés seguem com pouca variação, e o período elevado (mesmo declinando também), o que pode continuar a favorecer as fechadeiras nos mais expostos onde isso é comum.

Mais um dia em que talvez seja necessário rodar um pouco para encontrar as boas, mas agora com a bússola mais calibrada. Quem procura, acha.

Quanto ao tempo, continua complicado e indicando volumes acentuados de chuva, mas ao menos já esquenta mais.

 

 

SEQUÊNCIA

Semana lestada e declinante, encoberta e com risco de chuva mais frequente.

 

Segunda-feira: Meio a um metro. Após a lestada, e ao declínio da porção mais de sul do swell, as ondas baixam mais e giram bastante, mais definidas de leste/sudeste. Na verdade, ainda restará um resíduo final de sul, cada vez mais fraco, sendo portando um leste + sul.

Deve ser o dia mais calmo de ventos do feriadão, zerado ou com noroeste pela manhã, e indícios de sudeste no meio do dia. Apesar de menor, tem surf e a a qualidade tende a melhorar nos picos onde o vento leste pega de frente.

Quanto ao tempo, promete ser o dia mais quente do feriado (disparado), sinalizando aberturas de sol e risco de chuva mais uma vez.

Terça-feira: Ligeiro ganho de pressão de leste. Um metrinho a um metro lestado, acompanhado de vento sudoeste. Tempo encoberto com risco de chuva.

Quarta-feira: Meio metro a meio metrão lestado, indicando vento sudoeste ao longo do dia, mais calmo cedo. O tempo segue na mesma, parcialmente encoberto e com risco de chuva.

Quinta-feira: Meio metro lestado, com vento fraco cedo e sudeste ao longo do dia. Tempo na mesma.

Sexta-feira: Meio metrinho lestado, podendo receber os primeiros sinais do swell n.13, de sul, com maiores chances à tarde.

 

PRÉVIA do PRÓXIMO FDS 

Swell n.13 com bom tamanho, mas novamente ameçado.

O cenário mais provável, captado nesse momento por nossa Pelota, é termos a chegada do swell n.13 ao longo do s’bado, de sul, com período na casa de 11s e potencial para passar de 1m.

Essa ondulação não parece nascer em uma única tempestade, e suas pistas não estaão bem definidas. Mais uma vez, há indícios de sistemas próximos à costa, aumentando a instabilidade do tempo e dos ventos.

Dentro desse panorama, a principal ameaça seria o vento sudeste ativo bem próximo à costa, o que desde já representa uma ameaça a qualidade das ondas.

Por enquanto, tempo encoberto e com risco de chuvas mais intensas no sábado.

 

TÁBUA DE MARÉS

LUA MUINGUANTE

Porto de São Sebastião:

LUA MINGUANTE

SÁB 05/09/2015     

01:49  0.4

05:58  0.8

07:21  0.8

10:11  0.9

14:00  0.6

17:09  0.8

20:38  0.6

23:02  0.7

 

DOM 06/09/2015   

02:54  0.4

11:26  0.9

15:13  0.7

17:58  0.8

21:02  0.6

23:49  0.7

Luminosidade.

Primeira luz: 06:47h

Nascer do Sol: 06:11h 
Pôr do Sol: 17:49h    
Última luz: 18:11h

Temperatura da água: 22º. NEOPRENE ALTAMENTE RECOMENDÁVEL.

divisoria-tridente

Por enquanto é isso aí.

Abraço e boas ondas!

Liquid Dreams

Parasitas só sobrevivem enquanto há o que ser sugado. 

 

FOTO: PEDRO ABREU

 

* Cadastre-se no nosso site para receber sempre antes as previsões (mesmo se já era cadastrado no site antigo)

A Previsão de Ondas #1 para o litoral de São Paulo!
 
Cadastre-se e receba a previsão de ondas fresquinha diretamente em seu e-mail!